Qual a parte mais difícil da maternidade?

Ser mãe, é claro!

É quando nos tornamos responsável por uma vida, cuja dependência é questão de sobrevivência.

Quando é preciso distinguir necessidades através de choros, sons e expressões nunca vivenciado.

Quando é preciso silenciar nosso choro, nossas dores, nossas expressões de preocupação, irritação, raiva e cansaço para tranquilizar aquele pedacinho de gente que saiu da gente.

É difícil ser mãe quando ainda queremos ser a filha. Dar colo quando se ainda precisa de colo.

É difícil perceber que não se está mais no controle de sua própria vida.

Quando inquietações batem à porta, quando os questionamentos nos tiram o sono, quando aquilo que era certo já não parece ser. Aquilo que estava no lugar, já não possui nem mesmo lugar para estar.

É difícil ser mãe quando é preciso sair de casa para trabalhar. Assim como também é incompreensível ser mãe, quando é preciso voltar para casa, sabendo que nem sempre é prazerosa a rotina que está à sua espera. É confusa a vontade de parar, recomeçar ou explicar sua maneira de agir e de pensar.

É tão, mas tão pesado ver relacionamentos mudarem. Casamentos se despedaçarem, porque você é agora, mãe!

É difícil olhar para dentro, quando se observa outras mães lá fora tão diferente de você.

É fatigante tentar entender quem nesse momento é você!

É difícil ser mãe quando seus erros são apontados, mesmo sabendo que eles existiram na intenção de acertar. E sempre é na intenção de acertar ...

É extremamente trabalhoso ser pai quando se é mãe. Suprir aqueles que faltam, desempenhar papéis que não lhe pertence, e mesmo assim, conseguir preencher qualquer lacuna de amor ausente.

A parte mais difícil da maternidade é sem dúvida, alguma, ser mãe!

É achar tempo e dedicação naquelas horas mais importunas. É se abaixar e falar olhando nos olhos, é diminuir o tom de voz quando se quer gritar, é respirar fundo quando se quer explodir. É contar até 3, até 10, até 100 e começar tudo outra vez.

É entender que para toda dedicação não há garantias e mesmo assim, se manter perseverante. Porque não desistimos daqueles que amamos.

E como amamos ....

Amamos tanto que a melhor parte da maternidade é com absoluta certeza, Ser Mãe!

Ou você tem alguma dúvida?

Ser mãe é sim, muito difícil. Ou alguém disse que seria fácil?

Mas maravilho, isso sim, tenho convicção que é!

 

Texto: Manuela de Godoy Gaspari

Simplesmente Mãe?