Ei, Mulheres!

O dia de hoje é dedicado para vocês, mulheres, de todas as cores, de todas as raças, todos os credos, diversos valores, de muitos ou poucos seguidores.

Mulheres de muitos ou de poucos amores.

Mulheres atrevidas, destemidas e mulheres tímidas.

Mulheres que trabalham, que não fogem da batalha, que pegam na enxada, ou que não caem do alto de suas sandálias.

Mulheres que já são mães, que serão mães, e, mulheres que dizem não para ser mãe.

Mulheres que gostam de cheiro de manjericão, que fazem macarrão, e que fogem do fogão.

Mulheres regradas e mulheres revoltadas.

Mulheres sorridentes, experientes ou desajeitadas.

Dentro de vocês mulheres, todas diferentes, existe algo em comum, que nos une e nos identifica: a força de ser mulher!

A força de querer fazer diferente, de fazer melhor, de ser uma pessoa melhor.

A força de não se deixar cair, ou iludir.

A força de estender a mão, de sorrir, de procurar sempre ser feliz!

Mulheres possuem a força inexplicável ao parir!

Mulheres possuem a intensidade no olhar. A coragem no seu respirar, e a maior e mais profunda forma de amar!

Parabéns Mulheres, por hoje, por ontem e para sempre em seu caminhar!

 

Manuela de Godoy Gaspari